Loading

Barragem Matsudagawa - Ashikaga, Japão


			Barragem Matsudagawa

Obra de arte temporária na barragem japonesa

No verão de 2008, a Kärcher ajudou a criar outra obra de arte, desta vez no Japão: em colaboração com o artista Klaus Dauven. Um delicado, porém grandioso desenho foi traçado nas paredes da barragem Matsudagawa, nas proximidades da cidade de Ashikaga, com o uso, digamos audacioso, das lavadoras de alta pressão.

Ao invés das tradicionais ferramentas utilizadas pelos artistas em geral, os motivos florais foram gravados, por meio da força do fluxo da água, sobre a camada de sujidade de 12 anos de idade, na parede de proporções épicas da barragem, que mede nada menos do que 228 metros de comprimento com 56 metros de altura. As cinco flores - "Hanazakari" - podem ser vistas no contraste entre a superfície limpa e clara e a escuridão da superfície naturalmente suja. Essas impressionantes figuras permanecerão na parede por cerca de cinco anos, até serem totalmente cobertas pela formação de algas, musgos e líquenes.

Para transferir o desenho para a parede, ele foi digitalizado por uma empresa japonesa de topografia e projetado sobre a parede, utilizando a tecnologia laser. Quatro lavadoras de alta pressão de água fria Kärcher HD 1050 B foram usadas para executar o trabalho de limpeza. Com cordas de escalada, uma plataforma móvel e a assistência da GSAR, empresa alemã de tecnologia de acesso por corda, cada parte da parede pode ser acessada e a sujeira, em sua maior parte constituída de matéria orgânica,
pode ser removida.

Em 2007, Klaus Dauven criou os monumentais motivos de animais "Variações da Vida Selvagem", em colaboração com a Kärcher na barragem Olef em Hellenthal, na região Eifel da Alemanha. Klaus Dauven, cujo trabalho é normalmente exibido em espaços públicos, vem utilizando as lavadoras de alta pressão desde 2003 para criar obras de arte temporárias sobre as paredes de jardins, passagens subterrâneas, pilares de pontes, dentre outros lugares nada menos irreverentes. Ele examina o ambiente, que lhe serve como uma tela, e com sua visão clínica de artista, o transforma em obra de arte, mas sem alterá-lo permanentemente, como é o caso do grafite convencional.


			Barragem Matsudagawa

			Barragem Matsudagawa

			Barragem Matsudagawa